09 jan, 2024

Pivot Points no Trading: Fundamentos Básicos para Iniciantes

Uma introdução aos pivot points: conceitos básicos e estratégias
Uma introdução aos pivot points: conceitos básicos e estratégias

Existem vários indicadores e ferramentas de desenho que você pode usar para encontrar pontos de entrada no trading. Alguns deles são extremamente simples, enquanto outros podem parecer mais complexos. Seja como for, todos eles podem ser muito úteis se você souber como utilizá-los.

Embora exista uma linha muito clara dividindo as ferramentas de desenho e os indicadores, ela pode acabar ficando tênue demais quando se trata de ferramentas como os pivot points, ou pontos de pivô. Ao ler esse artigo, você saberá mais sobre esse híbrido de ferramenta de desenho com indicador e descobrirá como usá-lo. Comece a operar agora e crie uma conta na Binolla.

Pivot Points: Informações Básicas

Os pivot points são amplamente conhecidos e usados por traders de todos os tipos. Eles ajudam a identificar diversos níveis, e também funcionam como uma linha que equilibra os preços de um determinado período. A principal ideia deste híbrido é fornecer aos traders informações sobre o clima atual do mercado. Se o preço permanecer acima da linha dos pivot points, o mercado pode ser considerado bullish, ou otimista. Por outro lado, se o preço ficar abaixo da linha do PP, o mercado pode ser considerado bearish, ou pessimista.

No geral, os pivot points são uma forma de linhas de suporte e resistência que são ajustadas automaticamente de acordo com a situação atual do mercado. Eles também podem ser muito úteis quando os traders tentam identificar onde os preços podem cair ou subir dentro de um período específico.

Cálculos dos Pivot Points

Sendo um híbrido de indicador com ferramenta de desenho, os pivot points possuem cálculos que acontecem nos “bastidores” e ajudam a desenhar as linhas no gráfico. Diferentemente dos níveis de suporte e resistência que você aplica ao gráfico sem fazer nenhum cálculo, o indicador pivot point se baseia totalmente na matemática. As linhas são desenhadas de acordo com as seguintes fórmulas:

  • PP = máxima anterior + mínima anterior + fechamento anterior / 3;
  • Suporte 1 (S1) = (PP x 2) – máxima anterior;
  • Suporte 2 (S2) = PP – (máxima anterior – mínima anterior);
  • Resistência 1 (R1) = (PP x 2) – mínima anterior;
  • Resistência 2 (R2) = PP + (máxima anterior – mínima anterior).

Esses cálculos podem parecer complexos para você, mas eles só estão sendo mostrados aqui para fins informativos. Afinal, você não vai precisar realizar nenhum cálculo, pois tudo é feito automaticamente pelo indicador. Assim que você aplicá-lo ao gráfico, verá todas as linhas desenhadas para períodos específicos e vários dias anteriores.

Tipos de Pivot Points

Depois que você abrir as configurações do indicador pivot points, verá que existem vários tipos deles em sua respectiva aba. Esses são os principais tipos: 

  • Indicador PP padrão. Esse é um dos tipos mais populares de pivot points. Ele se baseia nos cálculos das máximas, mínimas e dos preços de fechamento do dia anterior;
  • Fibo PP. Como você deve ter imaginado por conta do nome, esse tipo de indicador usa a sequência de Fibonacci para calcular a distância entre as linhas. Assim como no PP padrão, as máximas e as mínimas do dia anterior são usadas como base, porém, a retração de Fibonacci é usada para fazer todos os outros cálculos;
  • Woodie PP. Ao contrário do indicador PP padrão, na versão Woodie, são utilizadas as máximas, mínimas e os preços de abertura do dia anterior;
  • Camarilla PP. Quando se trata desse tipo de pivot points, os cálculos são realizados através de uma fórmula diferente e o indicador fornece aos traders níveis mais estreitos de suporte e resistência, o que, por sua vez, pode ser muito útil no day trading.

Estratégias Básicas com Pivot Points

Existem inúmeras táticas que você pode usar ao aplicar o indicador pivot points ao gráfico. A primeira e mais simples estratégia de trading com esse indicador é observar o preço cruzar a linha do meio, que também é conhecida como PP.

Essa abordagem requer simplesmente ficar de olho nos gráficos e esperar o momento em que o preço cruza o PP (linha do meio). Quando o preço vem de baixo, cruza a linha do PP e sobe, essa é uma ótima oportunidade para comprar um contrato Mais Alto ou um par de moedas, ação, ou qualquer outro ativo.

Por outro lado, quando o preço cai e fica abaixo da linha do PP, esse é um sinal para comprar um contrato Mais Baixo ou vender um par de moedas, ação ou outros ativos.

Operando PP com Candlesticks

Usar os pivot points pode ser ainda mais benéfico se você adicionar alguns outros sistemas, incluindo os padrões de candlestick. O exemplo acima mostra como você pode usar esses padrões para encontrar pontos de entrada melhores.

Aqui, podemos ver o padrão Shooting Star alcançando o nível de resistência e então voltando. Assim que você observar essa situação, pode comprar um contrato Mais Baixo ou simplesmente vender o ativo.

Esse é outro exemplo de trading com PP e padrões de candlesticks japoneses. Aqui podemos ver um Bullish Engulfing, que surge perto do nível de suporte. Nessa situação específica, você pode comprar um contrato Mais Alto ou um ativo.

Operando com Linhas de Tendência

Usar linhas de tendência é outra ótima estratégia. A ideia aqui é vender após o preço tocar na linha de tendência descendente e sofrer uma reversão. Nesse caso, os pivot points podem ser usados como níveis alvo para o trading no mercado Forex ou de ações. Além disso, se a linha de tendência confluir com um dos níveis do pivot, esse será um sinal ainda mais forte para os traders comprarem uma opção digital ou comprar/vender vários ativos.

No exemplo acima, você pode ver uma linha de tendência descendente e os pivot points. Assim que o preço sofrer uma reversão após tocar a linha de tendência pela terceira vez, você pode comprar uma opção digital Mais Baixa ou vender um par de moedas ou uma ação. Como você pode ver, o terceiro ponto de reversão aparece após o preço tocar a linha de tendência descendente e fazer um falso rompimento no nível de resistência, que é formado pelo PP.

O segundo ponto de entrada é formado quando o preço rompe a linha de tendência descendente. Essa é uma ótima oportunidade para comprar um contrato Mais Alto ou um par de moedas/ação.

Os Erros Mais Comuns ao Operar com Pivot Points

Os traders frequentemente cometem alguns erros ao operar com pivot points. Para conseguir comprar contratos digitais ou outros instrumentos financeiros com mais eficiência, é recomendado prestar atenção nos seguintes erros e tentar evitá-los em sua rotina de trading:

  • Usar apenas um tempo gráfico. Ao negociar pares de moedas Forex ou ações, os traders frequentemente usam apenas um único tempo gráfico e acabam perdendo várias oportunidades. Por outro lado, usar vários tempos gráficos te permite encontrar muito mais pontos de entrada ou até visualizar todo o panorama a partir de tempos gráficos maiores;
  • Usar apenas pivot points. Ao operar com pivot points, você pode adicionar várias ferramentas adicionais, como indicadores, padrões de candlestick, ferramentas de desenho, etc. Isso deixará sua estratégia de trading mais eficiente e permitirá que você encontre pontos de entrada mais precisos;
  • Não se ajustar às condições de mercado em constante mudança. Embora os pivot points sejam muito efetivos quando o preço faz movimentos significativos, eles podem ser praticamente inúteis durante períodos de baixa volatilidade. Esse indicador pode não fornecer níveis claros nessas condições de mercado. Portanto, é recomendado usar o indicador PP somente se a volatilidade de mercado estiver pelo menos média;
  • Não usar gerenciamento de capital. Embora os pivot points sejam ótimos em fornecer pontos de entrada refinados, eles não garantem resultados 100% em cada negociação específica. Por isso, você sempre deve pensar em proteger seu dinheiro de riscos extraordinários e no quanto deve investir em cada trade específico.

Prós e Contras de Usar Pivot Points

Usar o indicador PP oferecerá a você os seguintes benefícios:

  • Esse indicador fornece uma clara compreensão do sentimento do mercado. Se o preço estiver abaixo da linha do meio do PP, o mercado é considerado bearish. Já quando o preço estiver acima dessa linha, o mercado é considerado bullish;
  • Os pivot points ajudam os traders a gerenciar seus riscos oferecendo níveis onde o preço pode parar e sofrer uma reversão;
  • Você não precisa desenhar as linhas por conta própria, pois, assim que o indicador for aplicado, elas aparecerão automaticamente;
  • Os traders não precisam ajustar as linhas. A cada novo dia, as resistências e suportes dos pivot points são reconstruídas automaticamente de acordo com os preços do dia anterior.

Em relação às desvantagens de usar o indicador PP, são elas:

  • Os pivot points ficam limitados em mercados de tendência, pois o preço pode ir além das linhas;
  • A interpretação dos pivot points pode ser subjetiva. Ela vai depender da análise adequada do trader;
  • Assim como vários outros indicadores, o PP não pode ser usado sozinho. É melhor adicionar outros indicadores, padrões e sistemas para operar;
  • O indicador PP se baseia em preços históricos. Portanto, ele pode não ser preciso em mercados em constante mudança.

Considerações Finais

Os pivot points são um indicador especial que desenha níveis de suporte e resistência automaticamente. Ele ajuda os traders a encontrar pontos de entrada, prever futuras reversões de preço e também a colocar melhores ordens de stop loss e take profit.

É muito fácil aplicar os pivot points aos gráficos. Além disso, existem várias estratégias que você pode usar com essa ferramenta. Os traders frequentemente criam suas próprias táticas com base em vários níveis de suporte e resistência.

Perguntas Frequentes

Binolla Blog Image - Pivot Points no Trading: Fundamentos Básicos para Iniciantes 7
Explore todos os detalhes dos Pivot Points. Saiba mais sobre como o indicador funciona

Traders Profissionais Usam Pivot Points?

Sim, eles usam. Os pivot points são muito populares entre os traders. Eles frequentemente usam linhas de suporte e resistência para encontrar pontos de entrada. Nesse contexto, os pivot points permitem que você desenhe esses níveis automaticamente, facilitando bastante o processo de trading.

Como os Pivot Points Funcionam?

Assim que você aplica esse indicador ao gráfico, todas as linhas de suporte e resistência são desenhadas automaticamente. Elas são calculadas de acordo com fórmulas incluídas no indicador.

Qual é a Estratégia de Pivot Points Mais Popular?

A estratégia mais popular que você pode usar ao operar com pivot points é observar quando o preço sofre uma reversão a partir de qualquer um dos níveis.

Posso Negociar Ações Usando Pivot Points?

Sim, você pode. Os traders podem aplicar os pivot points aos gráficos de qualquer tipo de ativo. Além disso, você também pode usar esse indicador ao negociar opções digitais e outros derivativos.

Redes Sociais
Recomendado
Você se inscreveu com sucesso na newsletter